• Título

    Tudo que aconteceu em nossas visitas dominicais

  • Título

    Um dedo de prosa sobre nossa história

  • Título

    Galeria dos Doutores mais bonitos do Brasil

  • Título

    Divulgação, contato e apoio

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Visita dia 18/06/2017


E aí meu povo, no final de semana entre o "Dia dos Namorados e o São João", claro que o domingão só podia ser cheio de amor e música, aliás o forró foi o ritmo mais tocado pelos Andarilhos do Riso nas paradas de sucesso do IC/DF.

Começamos a nossa tarde com uma linda oração feita pelo Dr. Berinjela ou seria Beringela? Nunca sei como o pai desse menino batizou ele, com "j" ou "g", mas para não ficar errado, vou abreviar para Dr. B. 
P.S: Fui procurar no pai dos burros e descobrir, olhem aí:
Beringela ou Berinjela. As duas formas existem na língua portuguesa e estão corretas. A forma correta de escrita da palavra no português do Brasil é berinjela e a forma correta de escrita da palavra no português de Portugal é beringela.

Então, continuando, após a nossa linda oração, seguimos leves e saltitantes (ops, nem tão leves, mas bem saltitantes...kkkk) para nossa jornada.
E como sempre, tanto a recepção do térreo como do 5º e 6º andar estavam lotadas de fãs esperando os doutores mais lindos do Brasil, quiçá do Mundo..... os Andarilhos do Riso!!! 

Para começar nossa primeira missão foi resolver o problema do Sr. Eli que está na Uti há uma semana esperando alta pra ir para a Enfermaria, ora essa foi fácil demais, chamamos a Dra Sorriso (com seus quase 2 metros de altura) e pronto... Falamos pro Sr. Eli que a alta chegou.... kkkk.....
Ele ficou numa felicidade só..... Mas parecia que não era só isso, então entraram em ação os doutores palhaços mais investigativos do Brasil, que descobriram que o Sr. Eli não tinha tido alta ainda porque ele era o xodó do pessoal da Uti Cirúrgica, e ninguém queria deixar ele ir pro quarto na enfermaria.... kkkkk.... nada como ser querido, né gente!!!!


Já o Sr. Alexo estava todo feliz porque estava recebendo a visita de sua mãe, filha, tia e etc, etc, etc... (era gente que não acabava mais)... E de novo com o faro investigativo, descobrimos que parece que a família dele é dona de uma distribuidora de bebidas em Uberlândia e daí ele foi logo convidando os Andarilhos para comer pão de queijo e beber uma, ou melhor umas...kkkk... A festança será para toda a palhaçada, ops, para os Doutores Palhaços mais bonitos do IC.... Sério! Confere na foto aí do lado, só tem palhaçada buiiiita!!!! kkkkkkk

Encontramos também o Francisco Hélio, que nos contou que foi de jegue, navio e golfinho pra Rússia (acho que ele foi assistir à Copa das Confederações), calma que eu explico!!!! Primeiro ele foi de jegue até o Rio Grande do Norte, depois ele pegou um navio até pertinho da Rússia e quando já dava para avistar a terra (terra à vista) ou melhor golfinhos à vista, o Sr. Francisco Hélio pulou na água e foi nadando com os golfinhos até chegar em terra firme.... Oh cabra arretado, esse moço!!!!kkkkk


D. Silveria (isso mesmo, tá certo), de Matutina, oxi será esse o nome da cidade dela mesmo? Daí maus uma vez entra em ação os nosso detetives e após investigação, descobrimos que sim, tá certíssimo!!!  Ela nos informou que o nome "matutina" significa estrelas e fica em Minas Gerais. Olha aí gente, Andarilhos do Riso também é cultura!
Agora falando em amor, encontramos dividindo o mesmo quarto um flamenguista e um vascaíno, com a amizade já estabilizada, que não tem futebol nenhum que abale!!! e pra confirmar, a música cantada no quarto foi..... "É o amor"...!!!! Foi isso mesmo produção???? 

Na Uti Infantil encontramos o Joaquim, que estava completando um mês.... foi uma festança só, com direito a Parabéns e tudo mais!!!!

E tinha a pequenina e espertinha Sara, que recebeu a nossa visita na Uti Pediátrica e quando chegamos na Enfermaria, adivinhe quem estava lá nos esperando, isso mesmo, a linda Sarinha.... claro que ganhou música novamente, né gente!!!!

Encontramos também a D. Maria, que assim que entramos no seu quarto não deixou a gente falar nadinha de nada, pegou o celular e telefonou para o marido que tinha acabado de ir embora e foi logo ordenando..... volta marido, os palhaços chegaram.... e não é que o marido voltou rapidinho.... chegou ligeiro que nem vendaval... eita que mulher braba!!!!kkkk  Foi então que o maridão nos contou que adora cantar e em casa faz dupla com o papagaio... hum, esquisito, será isso mesmo??? Dupla com o papagaio???? Kkkkkkk.
Sendo assim a Siri e o Berinjela ficaram à vontade para desafinar, pois não era possível que iriam perder em afinação para o papagaio...kkkkk.... Vixi não vou nem perguntar se ganharam???? kkkkkkkk

A tarde foi completa com os nossos fãs mirins nos seguindo em toda parte, o Bryan, a Letícia, o Miguel e como prêmio, além de muita música e mágica, ganharam bolinha de sabão!!!


E para finalizar não poderíamos deixar de mostrar o traje novo da Dra. Fofuxa, ficou só o ouro!!!

Atendimento especial hoje foi para os mais lindos pacientes do IC/DF:

Uti Cirúrgica: 7
Uti Coronariana: 7
Uti Pediátrica: 9
Enfermaria: 52

Participaram da visita: Drs. Berinjela, Pierre e Tchan, e as Dras. Sorrisso, Fofuxa e euzinha, Siriguela.

Beijos e até a próxima visita.

Dra. Siriguela

terça-feira, 13 de junho de 2017

Visita do dia 11.06.2017

"Eu não vou negar que sou looouco por você....."

O amor mais uma vez estava no ar e sendo celebrado pelos pacientes, acompanhantes e funcionários do no IC-DF.

Sim, no domingão todos já estavam no clima do dia dos namorados...

Para começar informo que atendemos 8 coraçõezinhos cheios de amor na UTI Cirúrgica, 8  apaixonados na UTI Coronariana, 10 pombinhos na UTI Infantil e 53 amantes da vida na Enfermaria.

O clima estava tão bom com o dia dos namorados, que o clima de amor deixou a lixeira da UTI Infantil Calminha, não acreditam??? Vejam a prova....

Conhecemos uma família de nome muito estranho, senhora Eunice que tem como filha a Tunice e como neta a Vosnice.... (entenderam ou não entenderam????kkk) todas cantoras excelentes!

Faço aqui um esclarecimento e um informe para que os doutores e doutoras desfaçam as malas da viagem que tínhamos para fazer a cirurgia em Salvador, pois o Salvador veio para Brasília e o procedimento vai ser aqui mesmo, pena porque já tinha colocado o meu macacão de palhaço de praia :(

Tem uma ótima notícia para todos nós, o nosso querido Dr. Berinjela aprendeu, finalmente, a fazer mágicas. A linda Letícia ensinou nosso médico-palhaço-leguminoso a realizar 4 novas mágicas, sendo assim agora ele consegue fazer sem erros exatamente 4 mágicas.

Não posso deixar de lembrar do Óliver, que a cada movimento dos doutores ele respondia com uma gargalhada, com palmas, movimentos do boneco-do-posto etc...kkkk Muito animado e feliz! Temos certeza de que receberá visita da "alta" muito em breve.

Participaram deste domingo véspera do dia dos namorados, as seguintes cupidas e cupidos:

Drs.: Berinjela, Pisca-Pisca, Coalhada, Vagalume, Tchan e Gravatinha.
Estagiárias: Silvana, Jurema e Marcha-Lenta.

Abraços e esparadrapos;

Dr. Gravatinha

segunda-feira, 5 de junho de 2017

Visita do dia 04.06.2017


Salve Salve a todos aqueles que acompanham os Andarilhos do Riso nas suas incríveis jornadas dominicais!!!! Hoje foi dia de muita alegria no IC-DF, e os palhaços-doutores mais queridos do mundo comandaram toda a diversão!!!!

Iniciamos nossa aventura às 15 horas após uma oração feita pelo Dr. Berinjela. Seguimos rumo aos impacientes, que aguardavam ansiosamente a nossa visita, dançando um forró pé de valsa com muito gingado!!!


No dia de hoje atendemos  a Zinara, que estava com seu incrível capacete de astronauta, fazendo um treinamento para ser a primeira pessoa a pisar no planeta Marte! E estava por lá também a Charlotte que gostou mais dos pirulitos do que das canções cantadas pelos Andarilhos. Mas também né, do jeito que a gente cantou desafinado, isso era de se esperar. Visitamos também a Srª Maria Borges, baiana gente boa que prometeu fazer uma porção de acarajés e convidar todos os membros dos Andarilhos para fazer um lanche na casa dela lá em Bom Jesus da Lapa. Vamos cobrar hein, Dona Maria! Visitamos também o Sr. Alcides que pediu para que cantássemos um rap, mas infelizmente nós não conhecíamos nenhum, foi aí que então ele cantou o tal do rap para nós. Era mais ou menos assim: "Drª Siriguela, cara de panela encontrou-se com a gaúcha Drª Fofuxa e se encantaram com a berinjeleza bela do Dr. Berinjela..." Gostamos muito dessa poesia, nota-se que ele é uma pessoa inteligente. Encontramos também o Sr. Manoel que afirmou ter sido um grande soldado da marinha, e ele nos contou que em um belo dia, ele acabou entrando de gaiato em um navio, só que ele havia entrado por engano, então rapidamente ele logo percebeu que havia entrado pelo cano. Disseram para ele: "Tá vendo essa sujeira bem debaixo dos seus pés? Pois deixe de moleza e vai lavando esse convés." Quando ele deu por si, ele já estava em alto mar, sem a menor chance nem maneira de voltar. Ele havia pensado que seria moleza, mas foi pura ilusão, conhecer o mundo inteiro sem gastar nenhum tostão. O navio passava por Liverpool, Baltimore, Bangkok e até pelo Japão, mas ele podia apenas descascar batata no porão. Que história hein, ficamos emocionados!!!!

Terminamos a nossa incrível jornada às 17:30h, cheios de disposição e prontos para outra!

No dia de hoje atendemos 09 amiguinhos na UTI Pediátrica, 08 na UTI Cirúrgica, 10 na UTI Coronariana e 38 na Enfermaria.

Estiveram presentes as Doutoras Siriguela, Fofuxa, Lunática, Marry e eu quem vos escreve, Doutor Berinjela.

Muito obrigado a todos que nos acompanharam. Foi uma tarde maravilhosa repleta de muita alegria e emoção. Nos vemos na próxima!

Um abraço a todos e que a alegria esteja com vocês!




segunda-feira, 29 de maio de 2017

Visita do dia 28.05.2017

Atenção, pessoal!

Chegou mais um domingo animado com a turma dos Andarilhos do Riso pelos corredores do IC. Neste domingo, 28, cheios de energia estavam os Doutores Vagalume e Pisca-Pisca, as doutoras estagiárias Risadinha (já tá batizada), Samyra (ainda sem batismo, correndo risco de ser apelidada pelos colegas. Inclusive, se tiver sugestões manda aí pra gente) e Silvana (que eu conto já do possível batismo dela) e este que vos escreve, o Dr. Tchan que já chegou levantando seu astral, balançando essa galera e requebrando bem legal. 

 Neste domingo, estivemos com 7 animados amigos na UCO, 10 na UTI Pediátrica, 9 na UTI Cirúrgica e 52 na enfermaria. Entre eles estava a dona Maria Lúcia que mal me viu e perguntou “Cadê seu chocolate?” Eu não sei quem é esse tal de Seu Chocolate, conheço ninguém com esse nome, mas ela insistiu que na páscoa ele tinha visitado ela e eu não discuti, né?




Por falar em visita, o Sr. Sírio estava recebendo a filha, que pediu para no próximo domingo levarmos um superbonder para colar o braço dele que já está há 5 meses quebrado. Solicitação anotada! Faremos essa “cirurgia” na próxima semana!


Mas o grande tema dessa semana foi o “mundo sertanejo”. Isso, porque o Sr. Valter contou para gente da época em que ele era laçador de boi. Ele derrubava os bichos pelo chifre! Contou até de um dia que a corda soltou, o boi arrastou saiu correndo, carregando e arrastando o Valter pelo cascalho até que ele conseguiu travar a corda, novamente, na porteira e o boi parou. O Valter ficou tão bravo que foi lá e deitou o boizão na mão mesmo! 

 E logo depois, entramos no quarto da dona Maria e da Larissa. A gente não vai dizer a idade da dona Maria, pra não ser indelicado, mas a Larissa tem só 14 anos e, mesmo com uma baita diferença de idade, ambas curtem as mesmas músicas sertanejas. Dona Maria pediu e cantamos uma das nossas músicas mais famosas, gravada pelo Zezé di Camargo & Luciano: É o Amor. Na sequência, a Larissa pediu pra cantarmos Milionário e José Rico! E a viola chorou forte, mesmo sem viola. Aliás, dona Maria disse que é obrigação um violeiro passar no quarto dela toda semana! Para fechar a cantoria, a Larissa ainda cantou conosco um pouquinho de Amado Batista. Aooooo coração xonado!

Falando em coração apaixonado, o Hugo Coração Mecânico mandou um beijo bem forte pra todo mundo que tá acompanhando ele e sua inseparável maleta da vida!

Agora, os recados finais:

1 – Dra. Estagiária Silvana foi chamada por um paciente (não revelarei fontes) de Dra. Marcha Lenta. Depois, foi chamada por outra de Dra. Fortaleza. Em um domingo anterior, chamaram de Dra. Sabe Tudo. Ajude os Andarilhos a batizá-la. Deixe aí nos comentários qual sua preferência!

2 – O Pisca foi chamado de lindo. Precisamos providenciar uns óculos para os pacientes, pessoal!

3 – Todo domingo, eu vou passando pelos corredores e as pessoas me pegando pelo braço. Vocês sabem por quê? Porque tudo que é perfeito a gente pega pelo braço.
Beijos cheios de suingue do Tchan!

domingo, 21 de maio de 2017

Visita dia 21/05/17



Mais um domingo de Andarilhos do Riso no IC (como é de costume há 10 anos), e dessa vez a gente estava a fim de desencalhar a doutora mais encalhada desse hospital, Dra Fofuxa – vulgo eu mesma.

E para acompanhar-me nessa façanha, estavam presentes as experientíssimas Dra Siriguela, Dra Rosa Marrie e Dra Sorriso, e os Dr já desencalhados Pierre e Juquinha.

Após a bela prece do Dr Pierre, seguimos rumo ao quinto andar, já na procura de muita gente sábia para compartilhar todos os segredos de um relacionamento de sucesso. 
E já na UCO, onde repousavam 8 especialistas em casamento, encontramos Maria dos Anjos, que não apenas manteve um casamento de muito sucesso, como também teve 34 filhos com o seu esposo! Isso mesmo que você ouviu! Mas calma, que da dona Maria mesmo, gestados e paridos, foram  17. Os outros 17 eram do primeiro casamento do Seu dos Anjos. Nem preciso dizer que as contas dos netos a gente perdeu no primeiro minuto (e dos bisnetos também).

Também encontramos Sírio de Deus, que estava muito bem acompanhado por seu genro. Conversa vai, conversa vem, de Deus nos disse logo como casou as filhas tudo. Bastou apontar a espingarda pros genros tudo, ordenando logo: ou casa, ou corre. Seu Sírio, muito sábio, disse logo é que falta uma espingarda aqui em casa também.

Na UTI Cirúrgica, encontramos 10 jovens amadores, que também compartilharam várias dicas de sucesso no amor. Além do respeito e do afeto, que tem que estar sempre quente, dona Maria José ensinou ainda que tem que ter forró dos bons, daqueles coladinho, pra lá e pra cá, de dançar a noite toda até anestesiar os pés. Assim não tem como o coração ficar só.

Na UTI infantil, 10 pequenos estavam curtindo a soneca, e por enquanto não sabem nada sobre essa coisa de casar não.
Subimos para a Enfermaria, onde nos aguardavam 54 pacientes cheios de amor para dar, e fomos logo entrando no quarto de quem entende. Dona Francisca e Dona Martinha compartilhavam o quarto e a experiência de vida. Chica fez, esse ano, 44 anos de casada, e você acha que Martinha deixou barato? Não mesmo! 45 anos grudadinha no galo véio dela, pensa você! E a receita? Você acha que elas dividiram com a gente? Claro que não! Disseram que só amando para saber.

E adivinha quem encontramos por lá também? Sim, o Aldivino! E nem conto pr’ocêsAldivino, acompanhado pela esposa, a filha e o neto, nos disse que tem um filho PRECISANDO desencalhar! Juntamos o útil ao agradável e dona Sogra já me disse que está me esperando para a pequizada de casamento no próximo sábado – e que será de muito bom gosto me ter como nora. Ficamos tão felizes que chamamos todo mundo pro casório.

E como festa boa é festa com música, chamamos a mais nova dupla do Feminejo brasileiro, Joelma e Juliana, para regar com cantoria a nossa tarde. Já de comida, aprendemos com Seu Francisco a fazer o melhor churrasco de alface com pimenta. Fechamos logo o Buffet com ele, e de sobremesa, para manter o nível, faremos um pudim de beterraba com cobertura de morangos.

E foi assim que acabamos o nosso domingo – com casamento arrumado e tudo. Agora é só chegar, estão todos convidados a comemorar esse fato histórico no próximo sábado, na cobertura do IC. Parece que está tudo certo (desde que o noivo não fuja). Inté lá então!

Dra. Fofuxa 


quarta-feira, 17 de maio de 2017

Visita do dia 14.05.2017





Senhoras e senhores, nesse dia das mães as nossas visitas começaram animadíssimas e com muitas gargalhadas. A preparação para a subida foi como de costume, mas nesse domingo teve algo diferente, teve um bocado de lembrancinhas feitos com muito amor por esses palhaços doidos para parabenizar todas as mães do hospital com direito a esmalte e tinta de palhaço para fazer desse dia um dia mais feliz.

O dia começou com uma bela oração da dra. Rapunzel para irmos direto para mais uma aventura, começando pelo quinto andar. Passamos pela UTI Pediátrica, onde todos os 9 baixinhos estavam calmos juntos de suas mamães. Fomos até a UTI Cirúrgica e Coronariana onde roubamos os sorrisos de 19 pacientes. Em um caso especial nós tínhamos quatro gerações de mamães unidas e todas davam um super apoio para a melhora da vovó, a única que não podia estar presente era a bisneta porque ainda era muito pequena para estar no hospital.

Em seguida subimos para o sexto andar para continuar com o nosso trabalho de quase Papai Noel entregando varias lembrancinhas para as mamães. Nesse domingo especial tivemos algo inédito acontecendo, váááááááááários estagiários sendo batizados e inclusive o Dr. Gravatinha que agora se chama Dr. Pão de mel. A Doutora Estagiária Lucélia agora é doutora Risadinha por causa de seu grande sorriso e pela sua incapacidade de não conseguir parar de sorrir. A Doutora Estagiária Vanessa foi batizada como Dra Trakinas e Dra. Kika por causa de suas incríveis e belas bochechas. Muito indecisa por qual nome adotar, ela ficou de dar uma resposta na próxima visita.

Tivemos o ilustre caso do paciente Antônio que com seus mais de 350 anos de vida nos contou o grande milagre que aconteceu com ele em meados dos anos 1670. O segredo para tanta jovialidade e experiência foi devido à um raio que caiu em sua cabeça nessa época e que preservou seu corpo por tanto tempo. Foi uma verdadeira aula de história.

Tivemos também a história de Dona Bernadete que queria que sua filha parasse de dar trabalho e a incentivou a casar, mas o tiro saiu pela culatra e Dona Bernadete disse que isso só fez foi piorar o trabalho que a filha dava.

Houve também um caso bíblico nessa visita, onde a mulheres dentro do quarto se multiplicavam assim como foram multiplicados os pães por Jesus, onde a cada momento surgia uma mulher diferente dentro do quarto vindo debaixo da cama, dentro da gaveta, atrás da TV, nas lâmpadas.


Essa visita foi, no mínimo, uma aventura daquelas bem grandes. Vários sorrisos foram roubados e muita  gente ficou feliz nesse dia especial que é o dia das mães. 

Dr. Burrito

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Visita dia 07/05/2017



Alô, alô, senhoras e senhores! Parem tudo que os Andarilhos do Riso irão passar cheios de alegria, amor no coração e sorrisos em seus rostos! 

Dessa vez o Andarilhos foi pro baile sem ser barrado! uhuuuu!!!! Precisamos apenas entrar na fila, que por sinal só tinha gente buuuiiita!!! rsrsrsrsrs 


Após uma linda oração feita pelo Doutor Vagalume, parecida com essa aí do lado, subimos rumo a mais um domingão cheio de histórias emocionantes e ainda em clima de pré comemoração do Dia das Mães!

Começamos nossa visita pelas UTI´s: Pediátrica, Cirúrgica e Coronariana. Na Pediátrica dormiam quase todos os 10 anjinhos que lá estavam se recuperando, menos o Kevin, que ficou meio bravo com a mágica do Dr. Vagalume. Claro, né!? Ele queria ver o desenho que passava na TV. Na Coronariana, 8 pacientes, inclusive o Seu Firmino, mineirinho, que disse que onde vai, leva o redondo embaixo do braço pra matar a saudade da sua terrinha. Já na UTI Cirúrgica foram atendidos 9 pacientes.

Atendendo na enfermaria encontramos a Dona Regina, que estava cuidando do seu netinho. Ela estava toda empolgada pensando no dia em que seu netinho vai começar a falar e chamá-la o tempo todo pela casa: “Vó Gina", quero comer bolo de fubá!


No quarto logo ao lado conhecemos a Alicia, de 7 aninhos. Pensem numa menina esperta? Pois é! A Alicia sabe até o que é o buraco negro, estava lá explicando pra nós, já que palhaço é um povo que não estudou muito, né!? Fizemos muitas mágicas pra ela mas teve uma que ela sabia qual era o segredo! Não disse que ela era esperta? Rsrsrsrsrs
Durante a andarilhada conhecemos o Manuel, ora pois! O Manuel, diabético, acabou colocando açúcar no almoço dele em vez de colocar sal. Seria um ato falho do Manuel? Acho que na verdade era um desejo de comer um docinho, mas é um segredo só nosso, não conte a ninguém rhhhh!

Hoje também conhecemos a Dona Patrocínia, que nos deu certeza que vai patrocinar os Andarilhos. Ela vai comprar pirulitos de diversos sabores, dentre eles: berinjela, siriguela, amora, rapadura, groselha e também bala Juquinha. Vejam que maravilha!

E na enfermaria tinha um sábio que entende tudo de coração e amor!! Casado há 40 anos, explicou pra gente que o segredo é amar até o coração ficar azul...
Isso mesmo minha gente... Azul!!!
Que quando a gente ama com o coração vermelho, é só paixão, daí não dura!!!
Aí ele tava com o coração azul, que a Bem deu pra ele, que significa AMOR!!!💙💙💙💙

E o Seu Silveira? Um português, que fala americano, ops, um piauiense que fala brasileiro, não, pera! Um piauiense que fala português mas é quase americano e também fala espanhol. Esse é bom, viu? Cabra arretado!

E assim encerramos nossa deliciosa visita do dia 07/05. Estiveram presentes os Doutores: Vagalume, Rapunzel, Juquinha, Fofuxa, Siriguela, e  as estagiárias Viviane, Lais e Karina e eu, Dra. Sorriso, a Dra de quem quer receber alta hahahaha! Beijoooooooooos! J



domingo, 30 de abril de 2017

Visita do dia 30.04.2017



Alô, alô, telespectadores dos Andarilhos do Riso, a melhor série do Netflix! Prestem atenção, hoje tem babado.
Tivemos que fazer um sorteio hoje pra ver quem iria atender, pois a competição estava grande. Os grandes contemplados foram os doutores Pierre e Berinjela, as doutoras Sorriso e Sensação e as aspirantes Samyra (tá quase Dra Jurema) e Silvana (possível doutora Sabe Tudo), assim como se fossem as 6 dezenas da megasena da virada.


A oração foi feita pelo nosso amigo Meia Noite e Meia, participação especialíssima na nossa visita, pois foi uma belíssima oração para nos dar força e ânimo para os atendimentos. Mas o babado... ahhhh, o babado. Gente, sério, fomos barrados na porta do IC!! Ficamos lá, sentadinhos aguardando liberação.


Não sei se foi bulliyng, se foi repreensão, se foi mal entendido ou se não foi nada disso, mas nós fomos barrados de verdade verdadeira. Mas fomos liberados, e isso que importa.
Seguimos então para a UTI Pediátrica, onde Dr B e Dra Aspirante Silvana cantaram bastante para a criançada. Criançada mesmo, eram 10 pequeninos na tarde de hoje.
Na UTI Cirúrgica, com 9 pacientes, encontramos o sr Aviador, que estava com a irmã e o sobrinho combinando a volta pra casa de esquadrilha da fumaça, pra colorir o céu em seu retorno. A dona Maria reclamou da comida, disse que tá sem sal. E a dona "Coração Novo" que está toda cheia de energia e planos para sua vida nova. Disse que o amor do coração antigo foi transplantado para o coração novo, então o maridão tá garantido.
Na UTI Coronariana, entre os 9 pacientes atendidos pelo Dr Pierre e a Aspirante Samyra, estava o Sr Roberto, que tentou assustar o Dr Pierre com suas tatuagens. Mal sabia ele que Dr Pierre quer desenhar uma história em quadrinhos inteira em suas costas.
Na Enfermaria estavam descansando 41 pacientes. Descansando mesmo, hoje muita gente estava cochilando. Desconfio que o almoço foi uma bela feijoada. Mas a dona Josefa estava bem acordada e nos falou que tem superpoderes, então Josefa é sua identidade secreta (nem sei se eu podia estar contando aqui). Nossa heroína é especialista em fazer bolo branco (não gosta de bolo de chocolate, pasmem). E reencontramos nosso amiguinho Rafael, que quis ir ao IC pra matar a saudade da gente. Mas eu falei que ele não precisa ir lá, que basta nos ligar que iremos até ele. Dito isso, ficou combinado que ele vai embora pra casa essa semana e quando sentir saudade vai nos ligar. Só não pode ligar a cobrar, pois nunca temos crédito.
E assim foi nossa tarde, promovidos a ilustres visitantes, com adesivo e tudo.


Boa semana a todos e até o próximo episódio!

Beijocas e ataduras

Dra Sensação