• Título


    Tudo que aconteceu em nossas visitas dominicais











  • Título


    Um dedo de prosa sobre nossa história











  • Título


    Galeria dos Doutores mais bonitos do Brasil











  • Título


    Divulgação, contato e apoio







domingo, 21 de maio de 2017

Visita dia 21/05/17



Mais um domingo de Andarilhos do Riso no IC (como é de costume há 10 anos), e dessa vez a gente estava a fim de desencalhar a doutora mais encalhada desse hospital, Dra Fofuxa – vulgo eu mesma.

E para acompanhar-me nessa façanha, estavam presentes as experientíssimas Dra Siriguela, Dra Rosa Marrie e Dra Sorriso, e os Dr já desencalhados Pierre e Juquinha.

Após a bela prece do Dr Pierre, seguimos rumo ao quinto andar, já na procura de muita gente sábia para compartilhar todos os segredos de um relacionamento de sucesso. 
E já na UCO, onde repousavam 8 especialistas em casamento, encontramos Maria dos Anjos, que não apenas manteve um casamento de muito sucesso, como também teve 34 filhos com o seu esposo! Isso mesmo que você ouviu! Mas calma, que da dona Maria mesmo, gestados e paridos, foram  17. Os outros 17 eram do primeiro casamento do Seu dos Anjos. Nem preciso dizer que as contas dos netos a gente perdeu no primeiro minuto (e dos bisnetos também).

Também encontramos Sírio de Deus, que estava muito bem acompanhado por seu genro. Conversa vai, conversa vem, de Deus nos disse logo como casou as filhas tudo. Bastou apontar a espingarda pros genros tudo, ordenando logo: ou casa, ou corre. Seu Sírio, muito sábio, disse logo é que falta uma espingarda aqui em casa também.

Na UTI Cirúrgica, encontramos 10 jovens amadores, que também compartilharam várias dicas de sucesso no amor. Além do respeito e do afeto, que tem que estar sempre quente, dona Maria José ensinou ainda que tem que ter forró dos bons, daqueles coladinho, pra lá e pra cá, de dançar a noite toda até anestesiar os pés. Assim não tem como o coração ficar só.

Na UTI infantil, 10 pequenos estavam curtindo a soneca, e por enquanto não sabem nada sobre essa coisa de casar não.
Subimos para a Enfermaria, onde nos aguardavam 54 pacientes cheios de amor para dar, e fomos logo entrando no quarto de quem entende. Dona Francisca e Dona Martinha compartilhavam o quarto e a experiência de vida. Chica fez, esse ano, 44 anos de casada, e você acha que Martinha deixou barato? Não mesmo! 45 anos grudadinha no galo véio dela, pensa você! E a receita? Você acha que elas dividiram com a gente? Claro que não! Disseram que só amando para saber.

E adivinha quem encontramos por lá também? Sim, o Aldivino! E nem conto pr’ocêsAldivino, acompanhado pela esposa, a filha e o neto, nos disse que tem um filho PRECISANDO desencalhar! Juntamos o útil ao agradável e dona Sogra já me disse que está me esperando para a pequizada de casamento no próximo sábado – e que será de muito bom gosto me ter como nora. Ficamos tão felizes que chamamos todo mundo pro casório.

E como festa boa é festa com música, chamamos a mais nova dupla do Feminejo brasileiro, Joelma e Juliana, para regar com cantoria a nossa tarde. Já de comida, aprendemos com Seu Francisco a fazer o melhor churrasco de alface com pimenta. Fechamos logo o Buffet com ele, e de sobremesa, para manter o nível, faremos um pudim de beterraba com cobertura de morangos.

E foi assim que acabamos o nosso domingo – com casamento arrumado e tudo. Agora é só chegar, estão todos convidados a comemorar esse fato histórico no próximo sábado, na cobertura do IC. Parece que está tudo certo (desde que o noivo não fuja). Inté lá então!

Dra. Fofuxa 


Nenhum comentário :

Postar um comentário